quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

PRAIA DO PIRIQUITO SE TRANSFORMA NO MAIS NOVO E BADALADO GARIMPO NO RIO TAPAJÓS.

Na tarde desta quinta feira estive acompanhando o Secretário de Planejamento da prefeitura de Trairão numa visita ao Remanso dos Macacos, situado no Rio Tapajós, no município de Itaituba, entre as comunidades de Pimental e São Luiz do Tapajós. Na oportunidade vimos de perto a corrida ambiciosa que o ouro desperta na região do Tapajós.
Conhecemos a história da descoberta do ouro no local e o descobridor do ouro naquela área, Dori Edson Matias da Silva, que vinha ha tempos pesquisando ouro, mergulhando naquela região, até que algumas semanas atrás teve a oportunidade de extrair só em uma despescada 51 gramas de ouro.
Dori, que é morador antigo daquela região, ficou contente e contou para alguns amigos, que em seguida também foram para o local, montaram suas “balsinhas” e passaram a extrair ouro, a média de ouro varia de balsa, pois depende da capacidade da produção de cada uma, variando de 80 a 100 gramas de ouro em cada 24 horas de serviço.
No início a garimpagem vinha sendo feita por moradores das comunidades do Pimental, São Luiz do Tapajós e de comunidades adjacentes, hoje jà existe garimpeiros de outras regiões atraídos com a facilidade da exploração e o baixo custo para a extração mineral no local. Os garimpeiros estão usando tambores de ferro de 200 litros, constroem sobre eles um tablado de madeira e instalam os equipamentos, que são compostos de motores que variam de 16 a 27 HP, com mangueiras de 04 polegadas, porem no local já existem algumas balsas maiores com maior capacidade de produção, ao todo hoje são 30 balsas trabalhando no local.
É importante ressaltar que não está sendo despejado mercúrio no Rio Tapajós, a queima do mercúrio está sendo feita em terra firme, pois à uma preocupação por parte dos garimpeiros com a preservação ambiental.
Os garimpeiros, que estão ali trabalhando já criaram a Associação dos Garimpeiros do Remanso dos Macacos para organizarem a atividade na área e evitar a invasão de oportunistas, pois o objetivo deles é manter trabalhando naquela área apenas pessoas que moram ali e estão cadastradas na associação. 
Reações:

0 comentários: