Postagem em destaque

Helder deve ser julgado nesta quinta-feira pelo TRE

Ministro é acusado de abuso de uso indevido dos meios de comunicação O ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho (PMDB), dever...

terça-feira, 10 de março de 2015

Na cadeia, o maior desmatador da Amazônia usa internet, celular e notebook

Castanha

Coluna Repórter 70 (O Liberal), hoje (10), via blog do Evandro Corrêa:
Castanha: só falta vinho do Porto
O madeireiro Ezequiel Castanha, preso como o maior desmatador da Amazônia, é tratado como celebridade no Centro de Recuperação de Itaituba, onde está recolhido.
Diferente de outros detentos, ele tem internet, telefone celular e notebook à disposição.
Para completar o festival de mordomias, agora a Casa Penal autorizou a entrada de uma bicicleta ergométrica. Só faltam camarão e vinho do Porto.
Padrinho
O que se diz é que o ex-prefeito Walmir Climaco, cacique do PMDB em Itaituba, é padrinho de Ezequiel Castanha, é dá as cartas no presídio da cidade.
Explica-se: Walmir foi quem indicou o atual diretor da Casa Penal, Márcio Ferreira, que, obviamente, é seguidor da máxima segundo o qual “manda quem pode, obedece quem tem juízo”.
Reações:

0 comentários: