Postagem em destaque

Helder deve ser julgado nesta quinta-feira pelo TRE

Ministro é acusado de abuso de uso indevido dos meios de comunicação O ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho (PMDB), dever...

segunda-feira, 4 de julho de 2016

Pai e filha também morreram no acidente aéreo, que matou 4 pessoas

Reginaldo veio para Belém para acompanhar o primeiro salto de sua filha Lara Pinheiro

Reginaldo Alves Pinheiro e Lara Pinheiro, pai e filha, foram identificados como duas das quatro vítimas do acidente envolvendo o monomotor para instrução de saltos de paraquedas no sábado (2).
Reginaldo era eletricista da linha de transmissão da Eletronorte e tinha experiência em saltos. A vítima era de Abaetetuba, região nordeste do Pará, fez aniversário ontem e veio para Belém para acompanhar o primeiro salto de paraquedas da filha.  Lara ia soltar com o auxílio do instrutor Douglas Dourado, a primeira vítima a ser reconhecida no local do acidente. Além dos três, o piloto Ronaldo Canavarro também faleceu ao pular da aeronave minutos antes dela cair.
INSTRUTOR DE SALTO MORRE EM QUEDA DE MONOMOTOR
 
Douglas Dourado, vítima fatal do acidente
Também foi confirmada a morte do instrutor Douglas Dourado. O pai dele, o Coronel Dourado, que já atuou na PM de Santarém, em entrevista ao DOL, confirmou a informação da morte, mas disse que está muito abalado e não quis se pronunciar sobre o acidente. Douglas era instrutor de salto e iria ministrar o curso nos dias 2 e 3 de julho. Douglas e a equipe de paraquedismo ainda chegaram a dar uma entrevista na manhã deste domingo para RBATV.  Nas redes sociais, a comoção dos amigos é grande:
CORPO DE PILOTO É ENCONTRADO A 300M DO ACIDENTE
Comandante Ronaldo Canavarro
O corpo do comandante Ronaldo Canavarro já foi encontrado. Em um ato de desespero, o piloto teria se jogado do avião, já que não foi encontrado paraquedas no corpo dele. De acordo com informações da PM, ele se jogou da aeronave quando ela já estava caindo. O corpo do comandante foi encontrado cerca de 300 metros dos destroços. Ainda segundo informações de um amigo da vítima, que não quer ser identificado, Canavarro tinha mais de 20 anos de experiência pilotando aeronaves.

Fonte: DOL com informações de Emily Beckman/Diário do Pará
Reações:

0 comentários: