quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Vereadores tentam aumentar o próprio salário

Uma medida polêmica causou a revolta em Abaetetuba, no nordeste paraense, após os vereadores do município aprovarem um aumento do próprio salário em setembro deste ano. Após protestos da população, a decisão acabou revogada. Entretanto, menos de dois meses depois do ocorrido, parlamentares da cidade tentaram votar novamente o aumento salarial nesta quarta-feira (16), durante sessão na Câmara. Eles desejam aumentar o salário de R$ 8 mil para R$ 12 mil. 

Como na última votação, moradores do município lotaram a plenária da Câmara para protestar contra a medida, que acabou sendo retirada da pauta da sessão antes de ser votada. Com faixas e cartazes, a população criticou a nova tentativa dos parlamentares de aprovar o reajuste.

Nenhum comentário: