terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Cármen Lúcia autoriza equipe de Teori a retomar os trabalhos.

Com a decisão da presidente do STF, depoimentos dos executivos da Odebrecht acontecerão nesta semana; procedimentos foram suspensos após a morte do ministro
Cármen Lúcia, presidente do Supremo. Não, ela não pode ser relatora do petrolão (Foto: Daniel Ferreira/Metrópoles)
A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, autorizou na noite desta segunda-feira a retomada dos trabalhos de auxiliares do ministro Teori Zavascki, morto em desastre aéreo na última quinta-feira, nas delações de executivos e ex-executivos da Odebrecht.

A morte do ministro, que era o relator da Operação Lava Jato no Supremo, fez com que os trabalhos fossem paralisados. Com a decisão da presidente do STF, no entanto, depoimentos de executivos marcados para esta semana serão mantidos. Nessas oitivas, eles deverão confirmar se fecharam acordo de delação de maneira voluntária.

Nenhum comentário: