segunda-feira, 13 de março de 2017

Problemas no tráfego da BR-163 adiam XVII Jogos dos Povos Indígenas

Evento será realizado em Santarém, mas deixará o mês de março e passa para junho. Data exata dos Jogos Indígenas ainda está sendo definida pelo Comitê Intertribal

O Comitê Intertribal Memória e Ciência Indígena (ITC) mudou a data da edição 2017 dos Jogos dos Povos Indígenas, que será realizada em Santarém. O evento deixa o mês de março e passa para junho. A decisão foi comunicada pelos organizadores do evento ao Núcleo de Esporte e Lazer (NEL), da Secretaria Municipal de Educação (Semed), alegando que problemas com a trafegabilidade da BR-163 trariam transtornos à maioria das etnias participantes, tendo em vista as mesmas utilizarão a rodovia para chegar até a sede dos Jogos neste ano.
O Comitê em concordância com o Ministério do Esporte decidiu pelo adiamento da realização dos jogos para não comprometer a logística de deslocamento dos atletas que virão de vários lugares do país em transporte rodoviário. Com as chuvas intensas que têm caído na nossa região, o tráfego na BR-163 está prejudicado, o que atrasaria a chegada dos atletas indígenas – comenta o coordenador do NEL, José Maria Lira.
A data exata em que os Jogos dos Povos Indígenas serão realizados ainda está sendo definida pelo ICT, que também ainda está definindo quantas modalidades serão disputadas na edição deste ano. Na última edição do evento foram dez: Arco e Flecha, Arremesso de lança, Cabo de força, Corrida 100 metros, Corrida de fundo, Corrida de Tora, Futebol Feminino, Futebol Masculino e Natação/Travessia.

Além dos Jogos, o ITC também quer realizar outros dois eventos em Santarém no mesmo período, sendo que o primeiro é a Feira Nacional de Produtos Agrícolas e Artesanais Indígenas e o segundo é o Concurso de Beleza Indígena. O evento é realizado desde 1996, e não acontece desde 2009, sendo que no retorno dos jogos, a previsão era que a cidade de Bertioga (SP) fosse o palco das disputas. No entanto, isto não aconteceu e Santarém foi escolhida.

Nenhum comentário: