Postagem em destaque

Helder deve ser julgado nesta quinta-feira pelo TRE

Ministro é acusado de abuso de uso indevido dos meios de comunicação O ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho (PMDB), dever...

segunda-feira, 6 de junho de 2016

ITAITUBA/PA: DUAS PESSOAS FORAM DETIDAS PELA POLICIA MILITAR.


Que por volta das 03:00 hs, a GU do GTO composta pelo SGT PM JOÃO LUIZ,  CB AQUINO, SDs MAURICIO e ANDRADE SILVA. Realizavam apoio na ocorrência de homicídio na 12° Rua, tendo como vítima o GAGO, foi avistado um veículo em alta velocidade, sendo uma Hilux cor Branca, com antena grande de rádio na carroceria parecida com a do acusado de ter baleado sua companheira no início da noite.
Foi realizado acompanhamento e na 11° Rua após a Raimundo Preto realizado  a abordagem, onde foi determinado que os ocupantes desembarcassem do veículo o que foi atendido pelo nacional MAGNO RUFINO MOURAO e KARINA DAIANA MIRANDA, o condutor aparentando fortes sinais de embriagues recusou a sair do veículo,  sendo verbalizado e feito a aproximação do referido veiculo, atentando nas mãos do condutor que estavam ao volante. MAGNO chegou a pedir para que o condutor desembarcasse o que não foi aceito.
Em razão do fato foi tentado retirar o mesmo do interior do veículo, quando este baixou a mão para pegar algo embaixo do banco (facão) e foi puxado pelas pernas, quando o acusado tentou pegar a arma do Sgt João Luiz o qual o empurrou e o SD PM MAURICIO efetuou um disparo de pistola na perna esquerda do abordado. 
Sendo imobilizado e conduzido até o HMI para atendimento medico. Sendo constatado que o projétil não atingiu o fêmur sendo retirado o projétil e deixado em observação.  Posteriormente o acusado foi identificado como KEINESON DOS SANTOS SOARES, nascido em 24/08/1985. Após vinte minutos de haver sido internado o mesmo retirou o soro e curativos, recusando a permanecer no hospital e o Médico não autorizou a saída do mesmo. Relatando que faria uma medicação e possivelmente liberaria em segui da.
Que no momento da abordagem KARINA DAIANA também com sintomas de embriagues passou a desacatar os policiais militares com palavras de baixo calão, motivo pelo qual foi apresentada.
Registrado o fato na Depol para as providências de praxe.

Fonte: http://plantao24horasnews.blogspot.com.br
Reações:

0 comentários: