segunda-feira, 13 de março de 2017

Detento que matou a mãe é decapitado por presos no presídio de Santarém


Crime aconteceu na noite de domingo (12), em Santarém. Grupo de presos arrancaram ferros e abriram os cadeados da cela.

O detento Antônio Sergio Guimarães, vulgo jurunas, que matou a própria mãe a facadas na última terça-feira (7) no bairro do Livramento foi decapitado por presos em uma das alas do Centro de Recuperação Agrícola Silvio Hall de Moura, na noite de domingo (12), em Santarém, no oeste do Pará.Um grupo de presos conseguiu arrancar os ferros e abriram os cadeados da cela de medida disciplinar da ala onde ele sofreu várias agressões.
De acordo com informações da Polícia Militar (PM), o detento estaria jurado e vinha recebendo várias ameaças de morte por outros presos. O crime aconteceu durante um possível princípio de rebelião. Antônio Sérgio estava lotado no pavilhão 1, na ala A quando foi encontrado morto. O Instituto Médico Legal (IML) esteve no presídio e fez a remoção do corpo do local que deverá passar por exames de necropsia. Ainda segundo a PM, militares foram até a casa da família do detento informar sobre a morte do preso, os parentes se recusam a velar o corpo na casa que pertencia à mãe de Antônio.
Em nota, a Susipe informou que Grupo Tático Operacional (GTO) foi acionado no momento do ocorrido. 16ª Seccional de Polícia Civil irá apurar o caso, serão abertos Processos Administrativos Disciplinares e um inquérito para apurar a autoria do crime. 


Reações:

0 comentários: