sábado, 21 de dezembro de 2013

Flagrada descumprindo lei de trânsito, Dilma se desculpa

Dilma carrega o neto no colo no banco de trás do carro

Presidente foi fotografada carregando o neto de 3 anos no colo, no banco de trás do carro – infração considerada gravíssima na legislação brasileira

Dilma carrega o neto no colo no banco de trás do carro (Ricardo Duarte / Ag. RBS / Folhapress)
A presidente Dilma Rousseff foi fotografada na tarde desta sexta-feira cometendo uma infração considerada gravíssima na legislação de trânsito brasileira. Em Porto Alegre para participar da inauguração de uma rodovia, Dilma foi flagrada carregando no colo o neto Gabriel, de três anos, no banco de trás do carro.

Leia mais: Cadeirinha no carro salva uma criança por semana no país

Em vigência desde 2010, a chamada "lei da cadeirinha" determina que crianças de 1 a 4 anos sejam transportadas em um equipamento especial de segurança. A pena para o descumprimento da norma é a perda de sete pontos na carteira, multa de 191,54 reais e a retenção do automóvel até a instalação da cadeirinha.

Horas depois do flagrante, a presidente usou o Twitter para se desculpar pela infração. "Estive hoje na casa da minha filha e, de lá, levei meu neto à casa do avô, que fica no mesmo bairro. Meu neto foi abraçado comigo no banco de trás. Foi um erro. A legislação de trânsito é clara: criança tem que andar na cadeirinha. Peço desculpas pelo erro", escreveu Dilma.

Rodrigo Constantino: O problema é quando Dilma está no volante

Nenhum comentário: