Postagem em destaque

Helder deve ser julgado nesta quinta-feira pelo TRE

Ministro é acusado de abuso de uso indevido dos meios de comunicação O ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho (PMDB), dever...

quinta-feira, 26 de junho de 2014

Acidente de moto deixou sargento Cajado, 15º BPM de Itaituba, em estado grave

Acidente de moto deixou sargento Cajado,do 15º BPM de Itaituba, em estado grave.
Por: Jota Parente
Ontem, quarta-feira (25) por volta das 20:00 horas, o Sargento PM Cajado, sofreu um grave acidente de moto, quando transitava pela esburacada rodovia Transamazônica, na cidade de Itaituba. Ao desviar de um buraco (que o 8º BEC já deveria ter tapado), o militar cair e bateu com a cabeça no chão.
Ele foi atendido no Hospital Municipal de Itaituba.
Segundo informações, o estado do militar é grave.
Fonte: Anderson Pantoja, extraído da página do Facebook, de Marinaldo Silva.
Informações complementares deste blog: O acidente aconteceu a altura da Transamazônica com a 10ª Rua do bairro da Floresta, próximo ao ferro velho, como informou o colega Weliton Lima.
Há poucos instantes pedi ajuda de amigos do zap sobre o estadual atual do sargento.
O amigo Anderson Pantoja informa que o sargento Cajado está internado no Hospital Municipal de Santarém, aguardando vaga para ser removido para o Hospital Regional daquela cidade.
O delegado Jardel Guimarães mandou mensagens com as seguintes informações a respeito do quadro de saúde do acidentado, de acordo com boletim médico, que lhe foi repassada pelo comandante do CPR X, coronel Santiago:
1) Realizada TC (Tomografia Computadorizada) de crânio e coluna cervical. Lesões graves no encéfalo, porém não cirúrgicas até o momento.
2) Fratura de crânio parietal
3) Insuficiência renal aguda
4) Aguarda-se vaga na UTI do Hospital Municipal de Santarém para transferi-lo

O coronel Santiago lembra em sua mensagem, que há um ano um irmão do sargento Cajado sofreu um acidente de moto, muito grave, pilotando sem capacete. Ele ficou internado na UTI por um longo período, e hoje guarda sequelas do acidente.
Reações:

0 comentários: