sexta-feira, 20 de junho de 2014

Reajuste do preço da carne no Pará alcançou 16% nos últimos 12 meses

Programa Senai Carne Vermelha quer valorizar produto sul-mat-grossense (Foto: Reprodução/TV Morena)Balanço do Dieese aponta alta de 9% nos primeiro cinco meses de 2014.

Dados foram divulgados nesta sexta-feira, 20.

O preço da carne no Pará aumentou 16% nos últimos 12 meses segundo um balanço do Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese) divulgado nesta sexta-feira (20). Nos primeiros cinco meses de 2014, a alta do produto atingiu 9%, contribuindo para que a alimentação básica do paraense permaneça entre as mais caras do Brasil.
Ainda de acordo com o Dieese, o preço da carne foi um dos que mais sofreu variação de junho de 2013 a maio de 2014. Em maio do ano passado, o quilo da carne de primeira era vendido em açougues, mercados municipais e supermercados da Grande Belém por aproximadamente R$ 13,44, e começou este ano custando R$ 14,26.
O valor cobrado pelo item sofreu reajuste gradativamente ao longo dos primeiros meses deste ano, chegando a custar em abril R$ 15,43 o quilo, e no mês passado R$ 15,60.
De janeiro a maio, o reajuste de 9% foi registrado pelo Dieese, contra uma inflação de 3,52%. Já de junho de 2013 a maio de 2014, a alta de 16% ocorreu com uma inflação de 6,08%.
Em junho, o estudo aponta altas no preço do produto, encontrado por valores que variam de R$ 15,80 a R$ 18,30.

Nenhum comentário: