quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Polícia Federal cumpre mandados de busca e apreensão em Novo Progresso

Denominada Operação Castanheira, comandada pelo delegado da Polícia Federal, Bruno Benassuly, partiu da base aérea do Cachimbo, tendo chegado de madrugada em Novo Progresso com mais de oitenta policiais em camionetes para cumprir os mandados de busca e apreensão, sendo vinte e dois madados de busca e apreensão, onze mandados de prisões preventivas, três mandados de prisões temporárias e 4 conduções coercitivas.

Conforme publicação preliminar, várias residências e escritórios foram interceptadas pela madrugada. Advogados representando a OAB/PA foram chamados para participar da operação como testemunhas. As residências foram tomadas pela Polícias Federal, sendo elas as casa do proprietário do Supermercado Castanha, de nome Ezequiel, do proprietário do Hotel Miranda, empresário Geovanni, do proprietário do Supermercado Duvalle, empresário Ismael Martins, escritório de advocacia e outros. Segundo informações, os senhores Ezequiel Castanha e Ismael do supermercado Duvalle conseguiram fugir, mas, tem mandado de prisão e estão sendo considerados fugitivos.

O empresário Geovanni, do Hotel Miranda, conseguiu fugir de sua residência no momento da busca, tendo ido se esconder em uma igreja evangélica no bairro Bela Vista, onde foi localizado e preso pela Polícia Federal.

Na residência do proprietário do supermercado Duvalle foram encontradas armas. A esposa de Ismael foi presa e levada junto com o armamento e com documentos retirados do local.


As esposas dos envolvidos nos mandados foram presas e levadas para Belém para prestarem depoimento.
Reações:

0 comentários: