quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Preso, ex-goleiro Bruno receberá R$ 600 mil do Flamengo

Bruno, goleiro do Flamengo

Valor é referente a salários e direitos de imagem atrasados. Ex-jogador está preso desde 2010 pela morte da ex-amante Eliza Samudio

O ex-goleiro do Flamengo Bruno Fernandes, preso desde 2010 por homicídio triplamente qualificado, ocultação de cadáver, sequestro e cárcere privado da modelo Eliza Samudio, sua ex-amante, deve receber uma quantia alta do clube carioca. De acordo com informações do diário Lance!, o ex-goleiro de 30 anos receberá 600.000 reais do clube carioca, relativos a salários e direitos de imagem atrasados.

Bruno entrou na Justiça contra o Flamengo em 2011 e, inicialmente, cobrava 2 milhões de reais em dívidas. Segundo o Lance!, Bruno aceitou reduzir o valor para 600.000 reais, mas ainda existe a possibilidade de a quantia chegar a 1 milhão de reais, com correção monetária e acréscimo de impostos.

A diretoria do Flamengo estaria satisfeita com o acordo, que reduz em mais da metade o pedido inicial de Bruno. Mas Bruno não deve receber o dinheiro imediatamente, pois o processo está na fila do Ato Trabalhista do Flamengo – mensalmente, o clube destina uma parte da verba arrecadada ao Tribunal Regional do Trabalho para o pagamento de dívidas trabalhistas.
Bruno cumpre pena de 22 anos e três meses de reclusão pela morte de Eliza. De acordo com a Secretaria de Estado de Defesa Social de Minas Gerais, ele poderá passar do regime fechado para o semiaberto em 2018 (o que lhe possibilitaria voltar a jogar futebol profissionalmente). Atualmente, ele está detido na Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, na Grande Belo Horizonte (MG).

Nenhum comentário: