Postagem em destaque

Helder deve ser julgado nesta quinta-feira pelo TRE

Ministro é acusado de abuso de uso indevido dos meios de comunicação O ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho (PMDB), dever...

sexta-feira, 22 de maio de 2015

Brasileiros: estudo mostra que fama de gente boa não condiz com nosso espírito violento

O brasileiro sempre vendeu ao mundo a imagem de ser um povo boa praça, hospitaleiro e muito receptivo, mas essas “características de bondade” há muito tempo vem sendo desmentidas pelas estatísticas da violência feitas pelo país a fora.
Um estudo do sociólogo espanhol Manuel Castells afirma que essa simpatia é apenas um mito e essa afirmação pode ser constatada no dia a dia onde o brasileiro revela que por trás dessa aparente simpatia, há um instinto perverso e isso está refletido na violência do cotidiano da população e que tem colocando o Brasil na lista dos países mais violentos do mundo.
Um exemplo desse comportamento que expõe o lado maldoso do brasileiro é a agressividade contra o patrimônio público. No Brasil convencionou-se imaginar que o que é publico não é de ninguém e que por isso pode ser destruído impunemente.
Outra conduta reprovável do brasileiro pode ser vista no trânsito, principalmente nas rodovias. O motorista que passa por uma blitz tende a avisar com sinal de luz que há uma fiscalização na estrada e esse alerta, aparentemente inofensivo, pode servir tanto para quem tem uma pequena irregularidade no seu veiculo, mas pode ajudar também um criminoso em potencial que esteja fugindo da justiça. A polícia rodoviária, em alguns estados, já está punindo quem é flagrado fazendo sinal de luz.

De acordo com o sociólogo o instinto de perversidade do brasileiro se manifesta ainda claramente nas redes sociais com a agressiva polarização política entre os internautas. Somando-se a esses fatos, temos a violência das ruas que coloca a maioria das cidades em um verdadeiro estado de beligerância.

Somente aqui no estado do Pará, cinco cidades apresentam índices alarmantes de violência, e embora fora dessa lista incomoda, Itaituba também apresenta um alto índice de violência, incentivada pela impunidade que exacerba ainda mais o íntimo agressivo do brasileiro.  
Publicado primeiro por:http://jotaparente.blogspot.com.br/
Reações:

0 comentários: