segunda-feira, 13 de julho de 2015

Gerente ferido em assalto morre no Hospital de Santarém

O gerente Rodrigo Wadler Lima Coutinho, de 28 anos, que foi baleado nas pernas durante um assalto a uma agência do Bradesco na sexta-feira (10), no município de Trairão, sudoeste do Pará, morreu por volta das 20h de sábado (11), na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Municipal de Santarém (HMS). Segundo o Instituto Médico Legal (IML), o corpo foi liberado para a família na madrugada deste domingo (12).
Coutinho foi transferido para Santarém na tarde de sexta em estado delicado. Inicialmente ele foi levado ao Hospital regional do Baixo Amazonas (HRBA), onde foi estabilizado e posteriormente  foi encaminhado para o HMS, onde precisou passar por cirurgia e depois ficou na UTI. Em nota divulgada no sábado, a assessoria do Hospital informou que o estado dele era grave e que não tinha condições de ser transferido.

Entenda o caso

A agência bancária onde Rodrigo trabalha foi assaltada no final da manhã de sexta-feira. De acordo com informações da Polícia Civil, cinco homens armados invadiram a estabelecimento rendendo funcionários e clientes.
Segundo delegado Jardel Guimarães, o grupo trocou tiros com policiais durante a fuga da agência. Os veículos usados e os reféns levados na fuga do grupo foram abandonados ainda no município. Segundo a Polícia, o Bradesco não divulgou o valor levado pelos assaltantes na ação.
Segundo o Delegado Sílvio Birro, que atua na operação de busca, a Polícia Civil ainda colhe depoimentos de testemunhas que possam ajudar a esclarecer o caso e o paradeiro dos envolvidos. Policiais de Santarém, Itaituba e Belém foram enviados ao município para prestar apoio às buscas.
Reações:

0 comentários: