quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

Incra aguarda liberação da BR 163 e monta proposta para o PDS Terra Nossa

Engarrafamento de carretas e outros veículos se estende por vários quilômetros


O Incra informa que, na tarde da última sexta-feira (19), foi realizada uma reunião com representantes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e dos Ministérios Públicos Federal (MPF) e Estadual do Pará (MPE) para discutir a interdição da BR 163 na altura do município de Novo Progresso. A reunião, da qual o Incra participou, ocorreu na sede do MPF em Santarém. O Sinttraf de Novo Progresso não enviou representantes, apesar de confirmação prévia de participação.
Após as discussões, como encaminhamento, o Incra, em conjunto com a Casa de Governo [de Altamira], posicionou-se pela liberação do tráfego da rodovia como condição para a continuidade das negociações. Deliberou-se, ainda, que, prioritariamente, a mesa de negociações será realizada em Santarém.
Por ser um movimento cuja pauta vai além das atribuições do Incra – envolve outros órgãos federais, como a Funai -, é acompanhado pela Casa de Governo, que é vinculada à Secretaria-Geral da Presidência da República.
O Incra acrescenta que desde o início da mobilização tem mantido um diálogo aberto e contínuo com as lideranças do movimento – sindicais e de associações – por meio de contatos por telefone e ofícios. Atualmente, a autarquia monta um plano de ações para o Projeto de Desenvolvimento Sustentável (PDS) Terra Nossa, a ser apresentado na mesa de negociação.
Em dezembro de 2015 e janeiro deste ano, o superintendente do Incra no Oeste do Pará, Claudinei Chalito, recebeu representantes do movimento em duas audiências, na sede do órgão em Santarém (PA), quando foram tratados os mesmos pontos da atual pauta de reivindicações. Antes mesmo do Incra concluir a análise e apresentar os encaminhamentos, a rodovia foi fechada.
Fonte: RG 15/O Impacto

Nenhum comentário: