Postagem em destaque

Helder deve ser julgado nesta quinta-feira pelo TRE

Ministro é acusado de abuso de uso indevido dos meios de comunicação O ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho (PMDB), dever...

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

Ministro de Minas e Energia apresenta proposta para energia de Moraes Almeida e região


Em audiência ocorrida na manhã desta quarta-feira (24) no Ministério de Minas e Energia, capitaneada pelos Deputados Chapadinha, José Priante, Hélio Leite, Lúcio Vale, Zé Geraldo, pelos Senadores Paulo Rocha e Flexa Ribeiro e que contou com a presença de importantes lideranças da região Transgarimpeira, o Ministro Eduardo Braga apresentou uma proposta definitiva que irá, em curto prazo, resolver o problema de energia de qualidade para a os Distritos e Comunidades da região no Município de Itaituba/PA.

O Ministro esclareceu que o maior problema hoje é que o programa Luz Para Todos não tem como fazer as ligações nas residências por falta de uma linha de transmissão de 138 KV e de subestações, ou seja, não existe energia de qualidade estável na região da transgarimpeira. 

As linhas de transmissão de 138 KV, segundo determinação da Agência Nacional de Energia Elétrica – ANEEL, é de responsabilidade das concessionárias, no caso, da CELPA Equatorial, que alega não ter recursos para implantação destas linhas.

Como solução para o problema, o Ministro informou que até a próxima semana estará enviando um Decreto para a Presidente Dilma sustando a Portaria da ANEEL, o que irá possibilitar que a União possa executar a instalação das linhas de transmissão de 138 KV, resolvendo o problema local e, também, os problemas semelhantes que atinge todos os Estados da região amazônica.

O Deputado Chapadinha esclareceu que, conforme o Ministro, em existindo as linhas de transmissão de 138 KV e as subestações, o Luz Para Todos inicia a ligação de energia nas residências no dia seguinte. 

Para Chapadinha esta reunião foi fundamental para a solução deste problema que se arrasta há décadas e, pela primeira vez na história, depois de tantas idas e vindas, a Comitiva sai de Brasília com uma proposta concreta e possível de ser executada em curto prazo. 

“O Ministro informou que, com o a edição do Decreto, no máximo em 30 meses, a região terá instalada as linhas de transmissão necessária para o fornecimento de energia de qualidade, possibilitando que a região tenha uma solução definitiva para esta situação. 

Para reduzir o problema de forma emergencial, o Ministro determinou a ida de técnicos do ministério à região para promover os estudos necessários visando a instalação de geradores provisórios para o atendimento da população até a chegada das linhas de transmissão de 138 KV. 

Essa visita deverá ocorrer até o dia 10 de março. Fiquei muito satisfeito com o resultado da audiência e quero informar a toda população da região Transgarimpeira que estarei vigilante e irei acompanhar de perto todo esse processo que se inicia a partir de hoje”, concluiu o Deputado Chapadinha.

Informações enviadas para o blog pelo geólogo José Waterloo Leal
Reações:

0 comentários: