Postagem em destaque

Helder deve ser julgado nesta quinta-feira pelo TRE

Ministro é acusado de abuso de uso indevido dos meios de comunicação O ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho (PMDB), dever...

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Paraense comemora nota máxima na redação do Enem.

Esforço e dedicação são requisitos básicos para quem busca perseguir o sonho de cursar uma boa universidade e se formar em um curso do ensino superior. E disso o paraense Yuri Fadi Geha, de 19 anos, entende bem. Na busca pelo diploma, ele se dedicou ao máximo e conseguiu um trunfo que poderá ser determinante para entrar em uma faculdade: a nota máxima da redação do Enem.
“A pontuação máxima foi uma surpresa. A gente nunca espera um 1000 (a nota máxima), mas me preparei e aguardava uma boa nota”, afirmou o estudante, que deixou o ensino médio em 2015 e passou o último ano estudando em casa e em cursinhos.
“Foi a segunda vez que fiz o Enem. Antes, tinha feito 880 pontos, e agora os 1000”, completou o estudante, que sonha em cursar medicina na Universidade Federal do Pará (UFPA). Ele afirma que se dedicou muito ao longo do ano, inclusive durante o mês de julho, de férias escolares.
“Me preparei em rotinas de estudo, cursinhos e cursos de redação, mas acredito que o grande determinante foram as férias. Foi quando estudei em casa, focando nos meus pontos fracos, para melhorar no que podia”.
Agora ele aguarda ansioso o listão da universidade. “Tenho que esperar o resultado, mas acredito que essa nota da redação poderá me ajudar para uma possível aprovação no curso de medicina”. Vamos todos torcer.

Fonte: DOL.
Reações:

0 comentários: